Minha primeira casa, minha primeira decoração

Quando deixamos a casa dos pais ou a república de estudantes para ter nossa primeira casa (seja com nosso cônjuge ou sozinhos), já sabemos que teremos muitas mudanças pela frente. Mas, a principal delas é que, agora, a casa é sua! O lado bom é que o novo local pode ter sua cara e é você o responsável por decorá-la.

Muitas pessoas têm a possibilidade de contratar um profissional para ajudar nesta hora e outros não têm viabilidade no momento ou, simplesmente, não querem, preferindo tentar decorar sozinhos. Seja lá qual for sua opção, há algumas informações que você tem que saber na hora de fazer sua primeira decoração.

Lembramos que é sempre melhor planejar antes de sair pintando, comprando e contratando serviços. Pesquise bastante e busque referências antes de se decidir pelo estilo, cores e disposição de móveis. Pense que sua casa deve suprir suas necessidades e se adaptar ao seu dia-a-dia (e dos outros moradores), e não o contrário.minha primeira casa, minha primeira decoração 3

Vamos às dicas:

1. Pense em suas necessidades principais antes de dividir os cômodos e os móveis principais:

Você precisa de um escritório confortável? Você é um maníaco por filmes e gosta de viver esta experiência em casa da melhor maneira possível? Tem ou planeja ter crianças? Tem ou planeja ter animais de estimação? Você (ou seu cônjuge) gosta de imitar o chef de cozinha? Gosta de receber amigos e parentes?

Enfim, o que queremos dizer é que você deve pensar em suas prioridades na hora de planejar o que será cada cômodo e como serão dispostos os móveis. Após este planejamento, fica mais fácil decidir por contratar um serviço de móveis planejados ou garimpar a mobília dos seus sonhos nas lojas.

2. Cores nas paredes:

Ok, você já planejou os principais móveis e a divisão de cômodos. Mas, antes de colocá-los lá, pense nas paredes. Elas já estão na cor que você deseja? É muito mais fácil pintar as paredes nesta etapa do que depois.

Por isso, já considere o estilo que você deseja e as cores que combinam com sua personalidade. Se tiver dúvidas, passe um pouco de tinta, dentre as suas opções, na parede antes de pintar. Assim você verifica como a cor ficará ao vivo.minha primeira casa, minha primeira decoração 2

3. Iluminando as ideias:

O jogo de luz é um item muito importante em qualquer decoração. E, atualmente, opções não faltam para deixar a iluminação de sua casa moderna, versátil e elegante.

Veja quais luminárias, spots ou arandelas deixarão o cantinho da TV mais confortável. Não é necessária muita luz ali. Luminárias ao lado do sofá ou da cama ajudam na hora em que precisar de iluminação extra, como ao ler um livro.

Um belo lustre sobre uma mesa de jantar é clássico e muito útil. Não abra mão. Assim como boa iluminação ao redor do espelho do banheiro. Lâmpadas frias dão a sensação de aumento de espaço. Prefira este tipo, principalmente ao iluminar a cozinha.

4. Comece pelo básico:

A não ser que sua condição financeira permita e você já contrate um arquiteto para finalizar toda a decoração, vá com calma! Comece adquirindo e posicionando os móveis básicos para viver (itens indispensáveis de cozinha, cama, mesa etc.).

Depois de ter o básico, fica mais fácil visualizar as outras necessidades e possibilidades de uso do espaço.minha primeira casa, minha primeira decoração 1

5. Personalizando sua primeira decoração:

Agora é a hora mais gostosa. Personalizar e dar sua cara a todos àqueles móveis. É hora de comprar uma poltrona estampada, uma mesinha amarela, um espelho com moldura vintage, uma luminária futurista, um sofá exótico ou um tapete felpudo. Tudo dependerá de seu gosto e estilo.

Não se esqueça de considerar a praticidade dos itens na hora da limpeza, durabilidade, versatilidade e utilidade antes de gastar seus recursos. Lembre-se também de que: se você gosta de comprar enfeites e souvenires, é recomendado segurar um pouco neste momento. Pense que, se você encher a casa nova com enfeites, daqui a pouco não haverá mais espaço para novas aquisições.

Afinal, decorar é algo que nunca termina. Você nunca diz que uma casa está 100% finalizada. Quem gosta de cuidar de seu cantinho sempre terá novidades e coisas para fazer. Pense que a parte boa é caminhar pela trilha e não o destino final!

 

1 responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *